Os essenciais de Varsóvia

Cidade linda e cheia de coisas interessantes para fazer, a capital da Polônia consegue encantar qualquer visitante com seu charme todo particular. Se você tiver pouco tempo em Varsóvia e quiser aproveitá-lo ao máximo, segue abaixo as atrações que considero essenciais na cidade.

 

Centro Histórico de Varsóvia

O centro histórico de Varsóvia é lindo e tem uma série de casinhas coloridas que fazem fotos incríveis. Lá, encontramos uma série de atrações imperdíveis da cidade. Uma delas é a Praça do Mercado que foi o centro da vida pública de Varsóvia até o século XIX. O lugar é especialmente animado durante o verão quando escurece mais tarde e as temperaturas estão mais altas. Vários cafés ficam localizados nessa área e há a opção de fazer passeios de carruagem pela Cidade Antiga a partir dali. A Catedral de São João, a mais antiga das igrejas de Varsóvia construída em 1339, também pode ser visitada por ali. A mais imponente das construções nessa área, entretanto, é o Castelo Real. Ele já funcionou como residência monárquica e sede parlamentar. Hoje, é um museu que abriga uma incrível coleção de arte da cidade. Vale a pena lembrar que boa parte do que vemos ali são construções novas por mais que pareçam já ter séculos de idade. O Centro Histórico de Varsóvia foi quase todo destruído na época da Segunda Guerra Mundial e tudo foi reconstruído baseado em pinturas de épocas anteriores aos bombardeios.

Image: Wikicommons.
 
Image: Wikicommons.

Caminho Real

O Caminho Real é uma das mais belas ruas de Varsóvia. Ela concentra palácios, mansões e igrejas, além da Universidade de Varsóvia. É também uma rua de compras movimentada com várias opções de cafés e restaurantes. O Palácio Presidencial e a entrada para a Universidade de Varsóvia ficam localizados lado a lado. Vale a pena visitar os dois lugares. É possível fazer uma visita guiada ao Palácio Presidencial e é bem interessante conhecer os seus interiores. O campus da Universidade de Varsóvia também é um lugar interessante para ser explorado. Os prédios têm uma arquitetura incrível e o Jardim Botânico do teto da biblioteca também é imperdível! No fim do Caminho Real, temos o Parque Lazienki que é repleto de templos e monumentos. Ele abriga o monumental Palácio sobre as Águas, um dos mais belos exemplos da arquitetura neoclássica da Polônia.

Image: Wikicommons.
Image: Wikicommons.

Image: Wikicommons.

Palácio da Cultura e da Ciência e Zlote Tarasy

O Palácio da Cultura e da Ciência é o monumento mais famoso de Varsóvia. O edifício foi um “presente” da União Soviética, mas os poloneses consideram que ele é uma lembrança horrível dos tempos em que estiveram sob dominação soviética. Em frente a ele, temos um shopping com um projeto arquitetônico muitíssimo arrojado: o Zlote Tarasy. Ele tem um teto de vidro transparente com formas arredondadas e irregulares que impressiona, além de muitas lojas, restaurantes e um cinema.

Image: Wikicommons.
 
Image: Wikicommons.

Palácio Wilanów

O Palácio Wilanów é uma antiga residência real que fica dentro de um parque e está rodeado por belíssimos jardins. Ele tem uma imponente fachada neoclássica que é enfeitada com esculturas e murais. Sobreviveu às duas Guerras Mundiais e, atualmente, faz parte do Patrimônio Histórico Nacional da Polônia.

Image: Wikicommons.
 
Image: Wikicommons.

Warsaw Uprising Museum

O Warsaw Uprising Museum é um museu relativamente novo e um dos mais completos tendo a Segunda Guerra como tema. Passou por um excelente processo de curadoria e tem excelente recursos multimídia, recontando a dramática história da resistência contra os nazistas de forma bastante interativa. A exposição mostra como era viver na cidade sitiada e como os poloneses conseguiram retomá-la dos alemães. Os vídeos da época exibidos no cinema são imperdíveis.

Image: Wikicommons.
Tags from the story
,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *