Por quê Edimburgo bomba em agosto?

Dependendo do clima no dia em que você chegar, Edimburgo pode parecer uma cidade meio cinzenta. Além dos dias serem nublados e eventualmente chuvosos, as cores dos seus prédios podem passar a impressão de que o lugar é meio sombrio. Ainda acho que esse é um dos grandes charmes do lugar! De qualquer forma, você pode ter certeza de que o lado meio sombrio de Edimburgo está restrito muito mais a meteorologia do que a qualquer outra coisa e não afeta em absolutamente nada a alegria e a vibração do lugar. Isso se torna mais verdade ainda caso esteja visitando a cidade em pleno verão no mês em que ela mais bomba: agosto!

Calton Hill- Edimburgo
Fonte: Shutterstock.

O que acontece exatamente em agosto? Literalmente, tudo. Edimburgo é tomada por uma série de eventos e festivais que se estendem ao longo de todo o mês. O primeiro e provavelmente um dos mais importantes é o Edinburgh International Festival. Ele é mais voltado para música clássica com espetáculos de ópera e teatro. Outro festival muitíssimo importante é evidentemente o Fringe. Ele é forte em teatro, mas também conta com dança e música. São encenadas desde obras da Grécia antiga e Shakespeare até coisas bem mais modernas. Dentre todos os festivais, ele é o mais livre deles por não ter um comitê de seleção para aprovar o espectáculo. Por muito tempo no passado, o Fringe rivalizou de certa forma com o festival oficial.

Festival de Edimburgo
Fonte: Shutterstock.

Outro evento muito importante que mostra bem a cultura escocesa para quem é de fora e está visitando a cidade é o Edinburgh Military Tattoo. Ele é um desfile de bandas militares britânicas que acontece ao lado do do Castelo de Edimburgo. Ali, você obviamente não pode perder a oportunidade de ver muita gente junta tocando aquelas famosas gaitas de fole escocesas. Afinal, você estará na Escócia! Acontece também uma série de queimas de fogos de artifício.

Festival de Edimburgo
Fonte: Shutterstock.

Outros dois festivais importantes são o Festival Internacional de Filme e o Festival Internacional do Livro. O primeiro tem uma variedade absurda de filmes em sua mostra que é bem eclética em relação aos gêneros apresentados, além de contar com documentários, curta-metragens e até clipes musicais. O segundo tem um clima mais informal e acontece na famosa Charlotte Square. Ele é o maior do tipo no mundo e recebe escritores do mundo inteiro. Quem costuma marcar presença nesse festival é J. K. Rowling. Sim, ela mesma! Entre as atividades desse festival, há palestras, debates e workshops.

Tags from the story
,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *